Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Biden libera acesso a documentos sobre invasão do Capitólio

Presidente rejeitou alegação de privilégio executivo de Donald Trump; Arquivo Nacional terá até 15 dias para fornecer registros à Câmara
Biden libera acesso a documentos sobre invasão do Capitólio
(Official White House Photo by Adam Schultz)

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden (foto), rejeitou a alegação de privilégio executivo do seu antecessor, Donald Trump, e determinou que o Arquivo Nacional entregue registros de visitantes da Casa Branca à comissão da Câmara que investiga a invasão do Capitólio.

Em uma carta enviada ao Arquivo Nacional, o governo Biden disse que, “diante da urgência” do trabalho da comissão, o material deverá ser fornecido em até 15 dias.

“O presidente determinou que uma declaração de privilégio executivo não favorece os interesses dos Estados Unidos e, portanto, não se justifica quanto a esses registros e partes deles“, escreveu a advogada Dana Remus no documento.

No ano passado, Biden também se opôs à alegação de Trump de privilégio executivo sobre outros documentos e registros da Casa Branca solicitados pela comissão. O ex-presidente levou o caso à Justiça para bloquear a liberação da documentação, mas foi derrotado.

Mais de 725 pessoas foram acusadas de participação na invasão do Capitólio, que deixou 5 mortos e mais de 100 policiais feridos.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....