Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Eduardo Cunha volta à política 392% mais rico

Sem contar a inflação, patrimônio declarado é 8,5 vezes maior que a última vez em que concorreu a um cargo, em 2014. Candidatura ainda depende da Justiça
Eduardo Cunha volta à política 392% mais rico
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Seis anos após sua cassação pelo plenário da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha buscará novamente uma cadeira na casa – dessa vez pelo PTB, e pelo estado de São Paulo. Ele nunca chegou com os bolsos tão cheios: à Justiça Eleitoral, o deputado preso por seu envolvimento com a Lava Jato declarou um patrimônio de R$ 14,1 milhões.

O valor é 8,5 vezes maior que os R$ 1,65 milhão que ele declarou em 2014, quando se elegeu pela última vez pelo MDB do Rio de Janeiro. Corrigido pela inflação, o valor declarado naquele ano seria de R$ 3,6 milhões – o que aponta um salto de 392% na sua fortuna.

O TSE não divulga maiores detalhes sobre como são compostas as fortunas dos candidatos – mas Cunha disse que R$ 12,5 milhões são compostos de “outros bens e direitos”. Ele ainda possui R$ 887 mil em quotas de empresas, além de salas comerciais e apartamentos.

Cunha teve seus direitos políticos restabelecidos em uma decisão do desembargador do TRF-1 Carlos Brandão, na última terça-feira (2). Já o Ministério Público Federal (MPF) recorre para mantê-lo inelegível. 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....