Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

MPF recorre para manter Eduardo Cunha inelegível

No recurso, a procuradoria afirma que não houve irregularidades no processo de cassação do ex-presidente da Câmara dos Deputados
MPF recorre para manter Eduardo Cunha inelegível
Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

O MPF recorreu contra a decisão que autorizou Eduardo Cunha (PTB-SP) a disputar as eleições deste ano. Segundo O Globo, a procuradoria afirma que não houve irregularidades na investigação que encontrou contas na Suíça atribuídas a ele, nem no processo de cassação do ex-presidente da Câmara.

No recurso, a procuradora Michele Bastos, responsável pelo caso, afirma que a Câmara aplicou regularmente a pena de cassação contra Eduardo Cunha e que a liberação da candidatura “põe em xeque a segurança jurídica, a confiabilidade nas instituições, a paz social e a própria democracia”.

No dia 21 de julho, o desembargador Carlos Brandão, do TRF-1, concedeu a liminar que devolveu a Cunha seus direitos políticos e autorizou o petebista a disputar uma vaga na Câmara dos Deputados pelo estado de São Paulo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....