Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Câmara de Curitiba vota por cassação de vereador petista que protestou dentro de igreja

Votação se deu apenas em primeiro turno, com 25 votos a favor, 7 contra e uma abstenção; o segundo turno está marcado para esta quarta-feira (22)
Câmara de Curitiba vota por cassação de vereador petista que protestou dentro de igreja
O vereador por Curitiba, Renato Freitas. Foto: Eduardo Marcelino/Malik Fotografia

A Câmara Municipal de Curitiba votou em primeiro turno pela cassação de vereador petista Renato Freitas (foto) nesta terça-feira (21) por quebra de decoro.

A cassação contou com forte apoio da Câmara. Foram 25 votos a favor, 7 contrários e uma abstenção.

O segundo turno está agendado para esta quarta-feira (22). Caso o apoio à cassação atinja pelo menos 20 votos mais uma vez, o vereador perderá o mandato.

Mesmo nesse caso, a defesa dele ainda poderá recorrer na Justiça.

O caso remete à fevereiro, quando, após os assassinatos do refugiado congolês Moïse Kabagambe e de Durval Teófilo Filho, ele mobilizou um protesto dentro da Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, em Curitiba, contra o racismo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....