Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Arthur do Val, sobre teor dos áudios vazados: "Não sou santo, sou homem, sou jovem"

O deputado que é pré-candidato ao governo de São Paulo admitiu que seus comentários sobre refugiadas ucranianas foram machistas
Arthur do Val, sobre teor dos áudios vazados: “Não sou santo, sou homem, sou jovem”
Foto: Reprodução/Youtube

Além de pedir desculpas e falar em “erro em momento de empolgação”, o deputado estadual de São Paulo Arthur do Val (foto) afirmou que não é santo, para tentar explicar as gravações que vazaram ontem.

Ao ser questionado sobre o que quis dizer quando comentou em um dos áudios que as ucranianas “são fáceis, porque são pobres”, ele respondeu:

“Eu comparei, é óbvio, com a situação que a gente tem aqui em São Paulo. Eu não sou santo, sou homem, sou jovem. Eu fui para lá e vi um monte de mulheres bonitas sendo simpáticas e falei ‘por que que isso está acontecendo?’ Talvez porque aqui em São Paulo, sei lá, as mulheres sejam mais inacessíveis, eu não sei”, afirmou o deputado conhecido como Mamãe Falei ao desembarcar no Brasil. Ele e o coordenador do MBL, Renan Santos, viajaram até uma das fronteiras com a Ucrânia, para fazer o que chamaram de “missão humanitária”.

Arthur do Val, que é pré-candidato ao governo de São Paulo, também afirmou que não vai se esconder e tem “toda a verdade” para mostrar sobre o episódio. Segundo o deputado, “há um mal-entendido” em torno de áudios enviados “para um grupo privado, que não tem nada a ver com política” , e que ele já estava na Eslováquia quando fez a gravação.

“Falei besteira? Falei. Sou homem para assumir.”

Ele acrescentou que seus comentários foram machistas e, em razão disso, pedia desculpas “a todas as mulheres que se sentiram ofendidas”.

Francamente.

Assista:

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....