Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Xamã do QAnon", que invadiu o Capitólio, é condenado a 3 anos e 5 meses de prisão

Jacob Chansley, o militante trumpista conhecido pelos chifres, está preso desde janeiro
“Xamã do QAnon”, que invadiu o Capitólio, é condenado a 3 anos e 5 meses de prisão
Reprodução/The Daily Telegraph

Jacob Chansley (foto), o militante trumpista que invadiu o Capitólio em 6 de janeiro com um chapéu com chifres e sem camisa, foi condenado nesta quarta (17) a 41 meses de prisão.

Fotos de Chansley no Capitólio viralizaram por causa de sua fantasia, que também o levou a ser conhecido como “xamã do QAnon”. QAnon é uma teoria conspiratória de extrema-direta.

Ele é um dos primeiros invasores do Capitólio a ser condenado.

Em setembro, Chansley se declarou culpado de tentar obstruir o trabalho do Colégio Eleitoral. Em 6 de janeiro, o Congresso se reuniu para contar oficialmente os votos da eleição presidencial, ocorrida em novembro. A cerimônia foi chefiada pelo então vice-presidente Mike Pence.

Joe Biden venceu a eleição, com 306 votos, contra 232 de Donald Trump.

Chansley foi preso três dias depois da invasão.

A invasão do Capitólio, incitada publicamente por Trump para dar um golpe no resultado eleitoral, deixou cinco mortos.

Leia mais:

Bannon é liberado e promete “contravenção do inferno” a Biden

‘Trumpista chifrudo’ é transferido para cadeia com comida orgânica

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....