Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Tiroteio em 4 de julho: Atirador confessa autoria do ataque

Robert Crimo III encara sete acusações de homicídio qualificado; segundo as autoridades, ele quase executou, na sequência, outro ataque a tiros, no estado de Wisconsin, mas desistiu por falta de planejamento
Tiroteio em 4 de julho: Atirador confessa autoria do ataque
Foto: Reprodução

Até então-principal suspeito de atirar contra uma multidão em uma parada de 4 de julho em Highland Park, no interior dos EUA, deixando, até o momento, sete mortos, Robert Crimo III, de 21 anos, confessou a autoria do ataque em audiência em corte nesta quarta-feira (6).

“Ele entrou em detalhes sobre o que havia feito. Ele admitiu o que havia feito”, disse o procurador do estado de Illinois no condado de Lake, Eric Rinehart.

“Não queremos especular sobre os motivos agora”, acrescentou.

Detido horas após o crime, Crimo encara sete acusações de homicídio qualificado, como informara Rinehart ontem (5).

Mais acusações, porém, devem ser levantadas com o decorrer do julgamento, nos próximos dias.

“Acusações de tentativa de homicídio, acusações de descarga agravada, acusações de bateria agravadas: Haverá dezenas de outras acusações contra o Sr. Crimo”, antecipou o procurador.

O número de feridos no ataque a tiros chegava ontem a 47, informou a filial da rede de televisão NBC em Chicago.

A expectativa é a condenação à prisão perpétua visto que o estado de Illinois aboliu, em 2011, a pena capital.

Outro atentado

Ainda nesta quarta-feira, o porta-voz da força-tarefa de crimes graves do condado de Lake, Chris Covelli, revelou que Crimo quase cometeu, na sequência, outro atentado.

Após fugir da cena do crime, em Highland Park, ele teria ido até Madison, no estado do Wisconsin, e se deparou com outra parada de 4 de julho.

Segundo Covelli, o atirador teria pensado brevemente em executar outro ataque a tiros, mas desistiu por falta de planejamento.

“As indicações são de que ele não pensou ou pesquisou o suficiente [para cometer o segundo atentado]”, disse o porta-voz.

As autoridades revelaram que um celular atribuído a Crimo foi encontrado em Middleton, nos subúrbios de Madison.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....