Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Senador democrata ameaça pacote de US$ 2 trilhões de Biden

Projeto do presidente prevê gastos sociais e no combate às mudanças climáticas
Senador democrata ameaça pacote de US$ 2 trilhões de Biden
Reprodução/Fox News/YouTube

O senador Joe Manchin, do Partido Democrata, na prática derrubou um dos principais projetos da agenda de Joe Biden neste domingo (19), ao dizer à Fox News que não votará a favor.

“Quando você tem essas coisas acontecendo como estão agora”, disse o senador, referindo-se à inflação, à dívida do governo, a “agitações geopolíticas” e à pandemia, “eu não posso votar pela continuação dessa peça de legislação”.

O pacote Build Back Better, avaliado em cerca de US$ 2 trilhões, já foi aprovado pela Câmara, e está em discussão no Senado. Ele prevê gastos sociais e no combate às mudanças climáticas.

A declaração de Manchin é importante porque Biden tem uma ‘maioria técnica’ no Senado – com 50 senadores alinhados ao governo e 50 na oposição. A vice-presidente, Kamala Harris, tem o voto de Minerva. Portanto, qualquer recuo de um senador democrata pode comprometer uma votação.

Manchin é senador pela Virgínia Ocidental, estado que tem governador republicano. O outro senador do estado e os três deputados federais são republicanos. Manchin já se autodenonimou “um democrata centrista, moderado e conservador”.

O projeto Build Back Better não deve ser confundido com outro pacote trilionário, o de infraestrutura, conhecido pela sigla ‘BIF’ (de Bipartisan Infrastructure Framework, ou arcabouço bipartidário de infraestrutura). Esse já foi aprovado pelo Congresso, e sancionado por Biden em novembro.

Leia também:

Biden inclui PCC em lista de sanções contra grupos internacionais de narcotráfico

Pacote de Biden aprovado na Câmara inclui reforma na imigração

Biden assina plano de infraestrutura de US$ 1,2 trilhão

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....