Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Rússia rebate EUA sobre possíveis ciberataques

"A Rússia, ao contrário de muitos países ocidentais e dos Estados Unidos, não se envolve em banditismo a nível estatal", afirmou o Kremlin
Rússia rebate EUA sobre possíveis ciberataques
Foto: TASS/Kremlin

O governo de Vladimir Putin (foto) rebateu as declarações dos Estados Unidos sobre a possibilidade de ciberataques a empresas americanas, infirmou a agência estatal russa RIA. Como mostramos, Joe Biden afirmou, em comunicado que a Rússia está “explorando opções” e que as companhias devem reforçar “imediatamente” seus sistemas de defesa.

Após o alerta, o Kremlin afirmou:

“A Rússia, ao contrário de muitos países ocidentais e dos Estados Unidos, não se envolve em banditismo a nível estatal.”

Além disso, Joe Biden, ontem à noite, repetiu que a Rússia se prepara para disparar armas químicas contra os ucranianos. Na semana passada, Joe Biden chamou o presidente russo, Vladimir Putin, de “ditador assassino” e de “puro bandido”. Após as declarações, o Kremlin disse que as relações entre a Rússia e os Estados Unidos estão “à beira de uma ruptura”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....