Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Passaporte sanitário poupa 4 mil vidas na França

Um estudo feito pelo Conselho de Análise Econômica apontou que a medida gerou uma economia de 6 bilhões de euros em seis meses
Passaporte sanitário poupa 4 mil vidas na França
Foto: Sophie Robichon / Mairie de Paris

Segundo dados divulgados pelo Conselho de Análise Econômica da França, o passaporte sanitário evitou cerca de 4 mil mortes por Covid.

A medida sanitária exige a apresentação de um certificado de vacinação para entrar em bares, restaurantes, museus, cinemas e órgãos públicos.

O estudo ainda concluiu que o passaporte gerou uma economia de 6 bilhões de euros em seis meses, ao evitar internações e complicações relativas à Covid.

No último fim de semana, o Parlamento francês aprovou uma lei que amplia o passaporte sanitário. Agora, o acesso a estabelecimentos comerciais só pode ocorrer se a pessoa tiver recebido as três doses da vacina. Testes de PCR ou antígenos já não serão suficientes.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....