Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

O narcotráfico venceu no Afeganistão

Roberto Saviano diz que os talibãs estão entre os maiores narcotraficantes do mundo e que a heroína venceu no Afeganistão
O narcotráfico venceu no Afeganistão
Reprodução

O italiano Roberto Saviano, autor de Gomorra, escreveu no Corriere della Sera que “os talibãs são os novos Narcos”.

Leia um trecho:

“O islamismo não venceu, depois de mais de vinte anos de guerra. O que venceu foi a heroína. Os talibãs são narcotraficantes. Segundo os relatórios da ONU, 90% da heroína mundial é produzida no Afeganistão (…).

O mulá Akhundzada, assim que o Exército Vermelho se retirou em 1989, entendeu que os guerrilheiros de Alá, em vez de continuarem a embolsar uma comissão de 10% dos traficantes de heroína, deveriam assumir eles próprios a gestão do tráfico. Ele impôs que em todo o vale de Helmand, no sul do Afeganistão, os agricultores cultivassem ópio, e quem quer que se opusesse era castrado. O resultado foi uma produção de 250 toneladas de heroína. Akhundzada é considerado hoje o principal líder talibã, e é um dos maiores narcotraficantes do mundo (…).

A heroína talibã abastece a camorra, a ‘ndrangheta e Cosa Nostra, os cartéis russos e a máfia americana (…). Os talibãs fornecem heroína também para o Hamas, outro grupo que se financia com o tráfico de hashis e heroína”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....