Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Negociadores avançam em acordo de paz que veta bases estrangeiras na Ucrânia, diz jornal

Em troca do cessar-fogo e da retirada das tropas russas, os ucranianos teriam que abdicar da intenção de entrar na Otan e declarar neutralidade
Negociadores avançam em acordo de paz que veta bases estrangeiras na Ucrânia, diz jornal
Reprodução

A Ucrânia e a Rússia tiveram progresso significativo nas negociações sobre um acordo de paz, diz o Financial Times. As delegações dos dois países estariam discutindo um cessar-fogo com 15 tópicos a serem adotados.

A proposta teria começado a ser trabalhada na segunda-feira (14), em conversas por videoconferência.

Segundo o jornal, o acordo envolve o fim da invasão russa e a retirada das tropas da Ucrânia, se o país declarar sua neutralidade e renunciar às suas ambições de ingressar na Otan. Os ucranianos ainda teriam que se comprometer ainda a não permitir a instalação de bases militares ou armamentos estrangeiros em seu território em troca de proteção.

Mais cedo, o principal negociador da Ucrânia, Mykhailo Podolyak, negou a informação, divulgada pelo governo russo, de que as negociações sobre o acordo de paz caminhavam para estabelecer no país uma neutralidade semelhante a adotada na Áustria e na Suécia, países que não podem ter bases estrangeiras em seu território. Não ficou claro ao que ele estava se referindo.

Ontem, o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, reconheceu que o país não tem como entrar na Otan.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....