Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Gabinete de Heleno diz que não recebe "recados" de nenhum país

Nota do GSI é resposta a informação, divulgada pela Reuters, de que chefe da CIA pediu para Jair Bolsonaro parar de lançar suspeitas sobre sistema eleitoral
Gabinete de Heleno diz que não recebe “recados” de nenhum país
Foto: Adriano Machado/Crusoé

O Gabinete de Segurança Institucional, comandado pelo general Augusto Heleno (foto) disse em nota nesta quinta-feira, 5, que “não recebe recados de nenhum país, nem os transmite”.

A nota é uma resposta do GSI à informação, divulgada mais cedo pela agência Reuters, de que William Burns, o chefe da CIA americana, disse a integrantes do governo de Jair Bolsonaro que o presidente deveria deixar de questionar a integridade das eleições no Brasil.

O GSI confirmou o encontro com o diretor da CIA, mas disse que os assuntos tratados em reuniões da área de inteligência são sigilosos. “Temos um excelente corpo de diplomatas e adidos para tratar dos interesses nacionais”, acrescentou a nota.

A reunião de Burns com Bolsonaro, em 1º de julho do ano passado, foi incluída na agenda oficial do presidente, sem detalhes sobre os temas em discussão.

Além de Heleno e do presidente, participaram do encontro com o diretor da CIA Alexandre Ramagem, então chefe da Abin, Braga Netto, que comandava a Defesa, e o embaixador dos EUA na época, Todd Chapman.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....