Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Não ligo. Não vieram me atacar", disse Trump logo antes da invasão do Capitólio, segundo ex-assessora

Cassidy Hutchinson, que trabalhou para o chefe de gabinete do então-presidente americano, afirmou em testemunho ao Congresso nesta terça-feira que ele sabia que manifestantes estavam armados
“Não ligo. Não vieram me atacar”, disse Trump logo antes da invasão do Capitólio, segundo ex-assessora
Reprodução/CNBC

Em depoimento ao comitê do Câmara dos Deputados americana que investiga a invasão de 6 de janeiro de 2021 ao Capitólio, a ex-assessora especial da presidência Cassidy Hutchinson declarou que Donald Trump sabia que seus apoiadores estavam armados no dia do incidente.

Hutchinson ainda afirmou que o então-presidente derrotado nas eleições de novembro de 2020 debochou da situação.

Ela, que trabalhou diretamente com o chefe-de-gabinete de Trump, Mark Meadows, estava presente no comício do republicano que deu início à invasão.

Hutchinson disse que ouviu Trump dizer “algo no sentido” de “eu não ligo a mínima se eles [apoiadores no comício] têm armas. Eles não vieram me machucar.

Segundo a ex-assessora, ele também teria mandado as forças de segurança presentes permitirem a passagem dos apoiadores em direção ao Congresso americano, que naquele momento estava certificando a eleição do rival Joe Biden à presidência.

“Deixe as pessoas entrarem. Elas podem ir até o Capitólio”, disse Trump, segundo a ex-assessora.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....