Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Crusoé: o perigoso jogo de Vladimir Putin

"Para além das ações práticas no terreno, os movimentos de Putin ameaçam mudar o equilíbrio militar da Europa"
Crusoé: o perigoso jogo de Vladimir Putin
Foto: EPA/Alexey Nikolsky/ Sputnik/ Kremlin Pool

Ao ameaçar uma guerra na Ucrânia, o presidente russo, Vladimir Putin (foto), enfraquece as democracias ocidentais e “se coloca jubilosamente na mesa de negociação mundial”, diz a Crusoé.

“Se as ações de um governante podem ser previstas pelo significado de seus movimentos mais recentes, então o mundo pode se preparar para uma guerra assim que começar a nevar no leste da Europa. Nos últimos meses, a Rússia concentrou entre 100 mil e 175 mil soldados em cerca de dez pontos da fronteira com a Ucrânia.”

“Para além das ações práticas no terreno, os movimentos de Putin ameaçam mudar o equilíbrio militar da Europa. Ele disse que prefere ter “todas as opções na mesa” para o caso de suas exigências não serem atendidas. Os pedidos são basicamente dois. O primeiro é para que a Organização do Tratado do Atlântico Norte, a Otan, feche as portas caso a Ucrânia decida se juntar ao grupo. O segundo é para que militares e equipamentos de defesa antiaérea sejam retirados de países que fizeram parte da União Soviética, como os países bálticos, a Polônia e a Romênia.”

LEIA AQUI; assine a Crusoé e financie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....