Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Salim Mattar é parado pela Receita por não ter nota fiscal de celulares

Ex-secretário de Desestatização do governo Bolsonaro falou do episódio em suas redes sociais na última quinta (28); ele voltava de uma viagem ao Chile
Salim Mattar é parado pela Receita por não ter nota fiscal de celulares
Foto: Reprodução, Instagram

Salim Mattar (foto), fundador da Localiza e ex-secretário de Desestatização do governo Bolsonaro, foi às redes sociais na quinta (28) criticar a burocracia da Receita Federal. Ele disse ter sido parado no aeroporto ao desembarcar de um voo vindo de Santiago.

“Chegando do Chile, após viagem de trabalho, fui barrado na Receita Federal por ter 2 celulares (1 TIM e 1 VIVO) e não estar com a nota fiscal de compra. Quem vai andar com a nota fiscal no bolso?”, perguntou o ex-secretário, que mostrou os celulares —segundo ele, ambos comprados no Brasil— em foto no Instagram.

“A burocracia procura infernizar a vida exatamente de quem deviam servir, os cidadãos”, acrescentou Mattar, crítico contumaz da burocracia. E quem há de lhe negar razão nisso?

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....