Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Após reajuste, ações da Petrobras caem 7% e índice Bovespa fecha abaixo de 100 mil pontos

Papéis tiveram desvalorização mais forte em São Paulo, mas empresa também viu ações em Nova York sofrerem queda; Bovespa caiu 2,84%
Após reajuste, ações da Petrobras caem 7% e índice Bovespa fecha abaixo de 100 mil pontos
Foto: B3

A Petrobras viu suas ações se desvalorizarem em torno de 7% nesta sexta-feira (17), dia em que anunciou um novo aumento de preços nos combustíveis por ela comercializados no Brasil.

Na Bovespa, as ações ordinárias da empresa, conhecidas como PETR3, desvalorizaram 7,31% durante o pregão de hoje. As ações preferenciais, de código PETR4, caíram 6,88% até o fechamento às 17h. O mau desempenho dos papéis da estatal ajudaram a puxar o índice Bovespa para baixo. Ele fechou abaixo dos 100 mil pontos pela primeira vez em 20 meses.

Nos Estados Unidos, os papéis PBR, negociados na bolsa de valores de Nova York, contabilizam uma desvalorização de 3,6%. Por lá, o pregão ainda não acabou.

A empresa está, mais uma vez, no centro do noticiário político. O  presidente da República cobrou a realização de uma CPI sobre sua diretoria (em parte indicada por ele) e o presidente da Câmara dos Deputados pediu a renúncia imediata do presidente da estatal, José Mauro Coelho.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....