Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

'Faltou apoio para implementar agenda liberal', diz Guedes

O ministro da Economia culpou o Congresso pela dificuldade para aprovar reformas econômicas no Brasil
Faltou apoio para implementar agenda liberal, diz Guedes
Foto: Adriano Machado/Crusoé

O ministro da Economia, Paulo Guedes (foto), culpou o Congresso pela falta de sucesso na aprovação da agenda liberal prometida durante a campanha eleitoral, eximindo o governo de Jair Bolsonaro e a si próprio de responsabilidades. Segundo ele, “faltou apoio”.

Em entrevista ao Estadão, o ministro admitiu que as reformas não estão avançando “no ritmo” que ele gostaria.

Não tive o apoio que tinha de ter. Realmente, esperava mais apoio para essa agenda. Agora, eu vou lhe perguntar o seguinte: nós entramos neste governo com apoio parlamentar? Vocês acham que tínhamos apoio parlamentar para tocar essa pauta? Depois, com as mudanças no PSL.”

Guedes ainda culpou a elite brasileira pela dificuldade para as reformas avançarem.

“É surpreendente a inapetência da elite brasileira pelo avanço das reformas liberais.”

Na entrevista, o ministro também afirmou que errou ao fazer promessas que não se concretizariam. Segundo ele, era melhor ter guardado as metas para si próprio.

Eu cometi um erro. Sabem qual foi? Dividi com vocês essas metas todas que eu tinha e a oposição a essas mudanças importantes, dentro e fora do governo, rapidamente descredenciava os projetos mais ambiciosos. Os oposicionistas, que sempre foram contra as reformas, ganhavam uma força adicional de gente de dentro. Sempre houve fogo amigo, sempre há e sempre haverá. Havia também uma enorme barreira às mudanças, decorrente de uma hegemonia social-democrata no establishment, na mídia, no meio empresarial.”

A verdade é que faltou apoio do próprio Paulo Guedes para aprovar reformas, além, é claro, de Jair Bolsonaro.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....