Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Executivos temem trocas em diretorias e no conselho da Petrobras

O maior temor é que um conselho de administração sob nova composição tente alterar o estatuto da empresa
Executivos temem trocas em diretorias e no conselho da Petrobras
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Após o governo de Jair Bolsonaro indicar Caio Mário Paes de Andrade para a presidência da Petrobras, executivos da estatal temem trocas em diretorias e no conselho da petrolífera e acreditam que o Planalto vai buscar “nomes 100% alinhados”.

Como O Antagonista antecipou, o Planalto pretende aprofundar a dança das cadeiras para viabilizar uma mudança na política de preços da Petrobras, ampliando para 100 dias o prazo de reajuste dos combustíveis — o que, na prática, significa um congelamento de preços até outubro.

Oficialmente, o governo diz que o objetivo é dar mais previsibilidade ao consumidor, que não sofreria tanto com a variação internacional do barril.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....