Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Brasil perde 2,8 milhões de empregos formais em oito anos

Contingente de trabalhadores com carteira assinada no primeiro trimestre de 2022 totalizou 36,3 milhões
Brasil perde 2,8 milhões de empregos formais em oito anos
Foto: Redes sociais

Nos últimos oito anos, o Brasil perdeu 2,8 milhões de postos de trabalho com carteira assinada. Em números absolutos, o contingente de trabalhadores em empregos formais no primeiro trimestre de 2022 totalizou 36,3 milhões, contra 39,1 milhões no mesmo período de 2014.

Os números constam em um levantamento da LCA Consultores divulgado pelo G1. A pesquisa foi realizada a partir dos dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio (PNAD) do IBGE.

O número referente a este ano equivale a 38,1% da população total do país e continua menor do que o nível pré-pandemia, quando o Brasil tinha 38,7% da população com CLT. Por outro lado, em oito anos, o número de pessoas no país com ocupação por conta própria ou sem CLT cresceu 6,3 milhões.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....