Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"As instituições brasileiras são fortíssimas"

“As instituições brasileiras são fortíssimas”
Foto: Reprodução/BTG Pactual

É desagradável ter de dizer essas coisas, ainda mais às seis da manhã, quando o cidadão ainda nem tirou a remela dos olhos, mas o fato é que o Brasil acabou.

Ontem à noite, em Nova York, em evento do BTG Pactual, Arthur Lira mostrou que ninguém manda mais do que ele. Exceto, talvez, o dono do BTG Pactual, André Esteves.

Arthur Lira, segundo o Valor, fez o seguinte discurso, dirigindo-se a João Doria, que estava na plateia:

“A diferença do Brasil, governador Doria, é que entre um extremo e o outro tem o centro. E o centro regulador da política nacional é o que mantém o equilíbrio do Brasil, me desculpe, não virar uma Argentina de ocasião. Seja qual for o presidente, o Congresso será reformista, será liberal, será de centro-direita, que dará um rumo para que o Brasil continue no rumo das transformações necessárias”.

Ele também foi muito aplaudido pelos investidores ao defender o sistema eleitoral:

“Sem o eufemismo de dizer que aquela urna presta, que aquela urna não presta. Eu fui eleito nesse sistema durante seis eleições e não posso dizer que esse sistema não funciona. O sistema é confiável. As instituições brasileiras são fortíssimas, funcionam plenamente”.

É isso aí: seja qual for o presidente, o Centrãoduto vai continuar a funcionar plenamente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....