Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Sujo e mal lavado

É falsa a narrativa de que Lula teve uma boa relação com o Congresso e soube gerenciar suas coalizões
Sujo e mal lavado
Foto: Paulo Pinto/Agência PT

“A narrativa de que Lula se relacionou bem com o Legislativo e que soube montar e gerenciar suas coalizões é falsa”, disse Carlos Pereira, que completou:

“É o sujo falando do mal lavado”.

O “sujo”, no caso, é Lula, e o “mal lavado”, claro, é Jair Bolsonaro.

O colunista comparou a compra dos parlamentares pelo bolsonarismo à compra dos mesmos parlamentares pelo lulismo. Em seguida, acrescentou:

“O governo Lula recompensou os aliados por meio de pagamentos ilegais, escândalo que ficou conhecido como mensalão.

O STF, muito antes da atuação do ‘vilão’ Sergio Moro, condenou 25 dos integrantes do que o PGR da época chamou de uma ‘sofisticada organização criminosa’, incluindo lideranças do PT como o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu; o ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha; o ex-presidente do PT José Genoino; e seu tesoureiro, Delúbio Soares. Curiosamente, Lula foi implicado apenas indiretamente no escândalo, sendo acusado de omissão”.

Entre o sujo e o mal lavado, o Brasil precisa de alternativa limpa.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....