Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

STJ manda soltar suspeito de incendiar estátua de Borba Gato

A defesa de Paulo Galo alegou que ele não possui antecedentes criminais, não praticou ações violentas e colaborou com as investigações
STJ manda soltar suspeito de incendiar estátua de Borba Gato
Foto: Reprodução/Instagram

O STJ revogou nesta quinta-feira (5) a prisão temporária do entregador Paulo Roberto da Silva Lima, conhecido como “Paulo Galo“.

Ele é um dos suspeitos de ter incendiado a estátua de Borba Gato, na zona sul de São Paulo, no dia 24 de julho..

“Paulo Galo” está preso desde o dia 28 de julho, quando se apresentou espontaneamente à delegacia e admitiu ter participado do ato. Ele alegou que os manifestantes decidiram atear fogo na estátua “para abrir o debate sobre a existência do monumento”.

A defesa de “Paulo Galo” recorreu ao STJ após o TJ-SP negar o pedido de habeas corpus. Na solicitação, alegou que a prisão foi política, “fundada da criminalização de movimentos sociais” e citou que o ativista não possui antecedentes criminais, não praticou ações violentas e colaborou com as investigações.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....