Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

STJ concede habeas corpus a entregador que incendiou estátua do Borba Gato

Paulo Roberto da Silva Lima, que trabalha como entregador, terá que usar tornozeleira eletrônica e cumprir recolhimento domiciliar noturno
STJ concede habeas corpus a entregador que incendiou estátua do Borba Gato
Reprodução

O ministro do STJ Ribeiro Dantas acaba de conceder habeas corpus ao ativista Paulo Roberto da Silva Lima, conhecido como Galo, investigado por incendiar a estátua do bandeirante Borba Gato, na zona sul de São Paulo.

Em sua decisão, Dantas determinou que Galo use tornozeleira eletrônica e cumpra recolhimento domiciliar noturno, entre 22h e 6h. Ele também está proibido de frequentar locais usados pelos movimentos “Revolução Periférica” e “Motoboys Antifascistas”, e similares.

O ativista terá de comparecer periodicamente em juízo e não poderá manter contato com os demais investigados e pessoas relacionadas aos mesmos movimentos. Viagens para fora de São Paulo só com autorização judicial.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....