Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

STF decidirá se Arthur Lira é obrigado a analisar impeachment de Bolsonaro

Movimento Vem Pra Rua também questionou a concentração de poder nas mãos do presidente da Câmara para a abertura do processo
STF decidirá se Arthur Lira é obrigado a analisar impeachment de Bolsonaro
Foto: Adriano Machado/Crusoé

A ministra Cármen Lúcia, do STF, pautou para o próximo dia 13 de maio o início do julgamento, no plenário virtual, de ação do movimento Vem Pra Rua contra o presidente da Câmara, Arthur Lira (foto). O documento pede para que a Corte obrigue Lira a analisar a admissibilidade do pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro.

O movimento também questionou a concentração de poder nas mãos do presidente da Câmara para a abertura do processo. 

Em junho do ano passado, integrantes do movimento protocolaram no Congresso o pedido de impeachment de Bolsonaro. O documento, elaborado com auxílio de especialistas, aponta 130 crimes de responsabilidade cometidos pelo presidente.

“Diante da reiterada inércia do Presidente da Câmara dos Deputados, não resta aos impetrantes alternativa senão a de se valer do presente mandamus para ver reconhecido seu direito líquido e certo ao encaminhamento da denúncia por si oferecida em face do Presidente da República.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....