Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Serra critica "mensagem ambígua" do Brasil sobre situação na Ucrânia

Para o senador e ex-chanceler, o país "deveria enviar clara mensagem de rechaço à invasão, ao uso desproporcional da força militar" por parte de Putin
Serra critica “mensagem ambígua” do Brasil sobre situação na Ucrânia
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O senador José Serra (PSDB-SP), que foi chanceler no governo de Michel Temer, divulgou uma nota em que diz que “a invasão da Rússia à Ucrânia precisa ser deplorada com veemência”.

“Trata-se de um flagrante atentado ao direito internacional.”

Serra (foto) acrescentou que “o Brasil deveria enviar clara mensagem de rechaço à invasão, ao uso desproporcional da força militar, às provocações e à escalada que foram promovidos por Putin”.

“Ao mesmo tempo, deveria exortar a Ucrânia a aceitar discutir de boa fé um arranjo de segurança que leve em conta as preocupações russas, mas garanta a integridade territorial da Ucrânia, a estabilidade e a paz”, emendou o parlamentar.

O tucano ainda afirmou que o Brasil passa “mensagem ambígua”.

“Temos boas relações tanto com Ucrânia quanto com a Rússia que devemos preservar, mas não é emprestando legitimidade com visitas de alto nível inoportunas e de resultados questionáveis que vamos contribuir para uma solução. Ao contrário, o Brasil acaba tomando partido de maneira indireta, enviando, no mínimo, mensagem ambígua que põe em dúvida nosso real apego aos princípios proclamados, dando demonstrações de estar na contramão da política externa mundial.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....