Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Queiroga diz que, com fim de emergência, Coronavac será só para menores de 18

O Ministério da Saúde pediu à Anvisa que o uso emergencial do imunizante seja prorrogado por mais um ano
Queiroga diz que, com fim de emergência, Coronavac será só para menores de 18
Foto: Myke Sena/MS

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga (foto), anunciou há pouco que o uso da Coronavac contra a Covid deve ser restrito a crianças e adolescentes de 5 a 18 anos.

A mudança acontece após ele anunciar ontem o fim da emergência sanitária da Covid, que permite que imunizantes sem registro definitivo sejam aplicados. Apenas Pfizer e AstraZeneca têm o status. A Coronavac e a Janssen têm registro emergencial.

Segundo Queiroga, o Ministério da Saúde fez o pedido para que a Anvisa autorize por mais um ano para esse público o uso emergencial da Coronavac.

Em coletiva, o ministro afirmou:

“Ainda não se conseguiu colecionar evidências científicas suficientes para que esse imunizante [Coronavac] tivesse o registro definitivo. Para o esquema vacinal em adultos esse imunizante, eu penso e é um consenso em países que têm agências regulatórias do porte da Anvisa, ele não é usado para o esquema vacinal primário. Ele é usado para o esquema vacinal primário no Brasil para a faixa etária compreendida entre 5 a 18 anos.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....