Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Presidente do STJ lamenta morte de Marília Mendonça

"Seu legado e o seu exemplo de mulher forte e atuante permanecerão sempre como uma inspiração", diz ministro Humberto Martins
Presidente do STJ lamenta morte de Marília Mendonça
Foto: Divulgação

O presidente do STJ, Humberto Martins (foto), lamentou a morte da cantora Marília Mendonça, vítima de um acidente aéreo na cidade de Caratinga, no interior de Minas Gerais.

“​Em nome do Tribunal da Cidadania, venho expressar meu profundo pesar pela trágica morte da cantora e compositora Marília Mendonça”, afirmou em nota. 

O falecimento de uma artista tão jovem, talentosa e renomada choca a todos nós, mas o seu legado e o seu exemplo de mulher forte e atuante permanecerão sempre como uma inspiração para a presente e as futuras gerações na construção de uma sociedade mais justa, próspera, solidária e igualitária. Que Deus, em sua infinita misericórdia, conforte os corações dos familiares, amigos e fãs. Estendo minhas condolências também às famílias de todos os envolvidos nessa fatalidade.”

Além de Marília Mendonça, morreram no acidente aéreo o tio e assessor da artista Abicieli Silveira Dias Filho, o produtor Henrique Ribeiro, o piloto Geraldo Martins de Medeiros e o copiloto Tarciso Pessoas Viana.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....