Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

PM do Rio "deve satisfações" sobre operação na Vila Cruzeiro, diz Fux

Ação deixou pelo menos 25 mortos; corporação culpou o STF pela migração de criminosos para o estado
PM do Rio “deve satisfações” sobre operação na Vila Cruzeiro, diz Fux
Foto: Nelson Jr./SCO/STF

O presidente do STF, Luiz Fux, disse hoje que a PM do Rio deve satisfações sobre a operação na Vila Cruzeiro na última terça (24) que deixou pelo menos 25 mortos. O ministro deu a declaração na abertura da sessão plenária da Corte.

Como mostramos, a Polícia Militar do Rio culpou o STF pela migração de criminosos para o estado. O secretário da corporação, coronel Luiz Henrique Marinho Pires, disse: “A gente começou a reparar essa movimentação, essa tendência deles de migração para o RJ, a partir da decisão do STF [que limitou operações policiais em favelas durante a pandemia.”

Ao comentar a polêmica, Fux afirmou: “Tendo em vista a posição em que se encontra o STF, achei por bem não polemizar com a PM. A PM deve satisfações, eu estou aguardando essas satisfações”, afirmou.

Gilmar Mendes também se pronunciou sobre o tema na sessão desta quinta (26). Segundo o ministro, o Supremo tem que “contribuir para superação as crises e não para ficar aí a apontar culpados ou bodes expiatórios”. O magistrado disse que é “extremamente preocupante” que autoridades locais atribuam ao STF “a responsabilidade por essa tragédia que é um problema estrutural”. 

Na sequência, Edson Fachin reiterou a afirmação de Gilmar: “De modo especial, essa afirmação, segundo a qual esse tribunal está entre as instituições que procuram soluções e não apenas imputar responsabilidades”, disse.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....