Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

PF indicia primo de Alcolumbre por tráfico e organização criminosa

Ex-deputado estadual Isaac Alcolumbre chegou a ser preso em outubro do ano passado
PF indicia primo de Alcolumbre por tráfico e organização criminosa
Foto: Alap/Divulgação

A Polícia Federal indiciou o ex-deputado estadual Isaac Alcolumbre (foto) pelos crimes de tráfico de drogas, associação ao tráfico e organização criminosa. Ele é primo do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) e chegou a ser preso em outubro do ano passado. 

Isaac entrou na mira da PF após investigações indicarem que seu aeródromo era usado por traficantes internacionais de droga. De acordo com a corporação, ele “prestou o apoio logístico essencial para a concretização das operações de tráfico internacional de drogas por modal aéreo realizadas pela organização criminosa, fornecendo combustível, manutenção e local para alteração das aeronaves usadas na empreitada criminosa”.

Os investigadores monitoraram as pessoas que frequentavam o aeródromo de Issac Alcolumbre. Em 19 de novembro de 2020, policiais acompanharam e registraram em fotos e vídeos o pouso de um avião vindo da Venezuela com maconha. Segundo a Folha, as imagens mostram que foi o próprio Isaac quem recebeu os traficantes no local. Além disso, o veículo que os transportou até a cidade de Macapá teria sido alugado pelo ex-deputado estadual.

Em nota à imprensa divulgada à época de sua prisão, Issac afirmou que comunicou a polícia diversas vezes sobre suspeitas no uso do aeródromo e, inclusive, chegou a proibir pousos e decolagens no local.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....