Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

PEC dos Precatórios é “tentativa de calote repaginada”, diz OAB

Para a entidade, a proposta aprovada na madrugada da última quinta-feira é “flagrantemente inconstitucional”
PEC dos Precatórios é “tentativa de calote repaginada”, diz OAB
Foto: Pablo Valadares/ Câmara dos Deputados

A OAB classificou a PEC dos Precatórios, aprovada na madrugada da última quinta-feira, como “flagrantemente inconstitucional”. Em nota divulgada neste sábado, a entidade afirmou que a proposta é uma “tentativa de calote repaginada”.

De acordo com a OAB, a PEC viola “a separação dos poderes, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada, bem como por se mostrar contrária à jurisprudência do Supremo Tribunal Federal que, em diferentes ocasiões, declarou a inconstitucionalidade do parcelamento de precatórios e a sua correção monetária por meio da taxa Selic”.

O texto adia o pagamento de sentenças judiciais e cria uma gambiarra no teto de gastos para bancar um Auxílio Brasil de R$ 400. Para a entidade, a proposta é mais uma “tentativa” de calote no país.

O que vemos atualmente, observando a tramitação da PEC 23/2021, é a sexta tentativa de calote, agora repaginada. Ocorre que o texto substitutivo aprovado pela Câmara em primeiro turno prevê alterações já declaradas inconstitucionais pelo Supremo Tribunal Federal anteriormente, quando do julgamento das inúmeras PECs que versaram sobre o tema.”

Como mostramos, os deputados que aprovaram a PEC dos Precatórios podem cometer crime de responsabilidade, assim como o presidente da República que a sancionar. A tese foi levada por juristas à OAB.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....