Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Parlamentares criticam governo por sugerir congelamento de preços da cesta básica

O senador Izalci Lucas e o deputado Marcelo Ramos destacaram que a medida é irresponsável do ponto de vista fiscal
Parlamentares criticam governo por sugerir congelamento de preços da cesta básica
Foto: Agência Senado

Integrantes da Câmara e do Senado criticaram as declarações do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do presidente da República, Jair Bolsonaro, sugerindo um congelamento de preços para tentar conter a inflação.

Membro do partido conhecido pelo Plano Real, o senador Izalci Lucas (PSDB-DF) classificou a defesa como “irresponsável”.

“Esse filme a gente já viu”, disse ao se referir a governos como os de José Sarney. “Mercado que não se regula por decreto”, acrescentou.

Para o senador, o desespero do ministro em conter a inflação mostra a sua falta de liderança frente ao Ministério.

“O que falta ao ministro é iniciativa. A Reforma Tributária não foi feita por qual motivo? Pela falta de vontade política. Guedes não participou e não liderou o processo. Essas medidas estruturantes, ele fala, mas não age e joga para o Congresso”, criticou.

Outro crítico ao congelamento foi o ex-vice-presidente da Câmara Marcelo Ramos (PSD-AM).

O amazonense chamou o pedido de Guedes de “desespero eleitoral”

“Ele [Guedes] sugere que os empresários, por motivos eleitorais, suspendam reajustes e depois voltem. Sabemos como isso termina. Passa a eleição e vem o aumento acumulado”, disse Ramos também ao Antagonista.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....