Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Orçamento secreto foi repassado a quase metade dos parlamentares

O Globo mapeou 290 deputados e senadores que receberam verba das chamadas emendas do relator; maioria é aliada de Bolsonaro
Orçamento secreto foi repassado a quase metade dos parlamentares
Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Levantamento do Globo mostra que o orçamento secreto foi direcionado a quase metade dos parlamentares que integram o Congresso, principalmente aliados do governo Jair Bolsonaro.

O jornal carioca mapeou 290 deputados e senadores que receberam verba das chamadas emendas do relator e que, sem transparência, distribuíram para suas bases eleitorais pelo país.

Os valores rastreados foram empenhados em 2020 e 2021 e chegam a R$ 3,2 bilhões, uma amostra dos R$ 36 bilhões que compuseram as emendas de relator no período.

Dentre os políticos mais agraciados está o senador Davi Alcolumbre. Graças ao parlamentar que o Amapá recebeu ao menos R$ 335,9 milhões, algo inédito. 

O segundo reduto com maior aporte é a Bahia, com R$ 302,2 milhões — o deputado João Carlos Barcelar lidera a lista de indicações.

Apenas em outubro, de acordo com levantamento da ONG Contas Abertas, o governo Jair Bolsonaro empenhou R$ 3 bilhões em emendas secretas. Os repasses foram feitos às vésperas das votações das PECs da Vingança e dos Precatórios.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....