Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ômicron: cenário internacional indica que pico no Brasil deve ocorrer em até 3 semanas

África do Sul, Reino Unido, Canadá e Austrália, por exemplo, registraram entre 4 e 6 semanas de aumento expressivo no número de infecções
Ômicron: cenário internacional indica que pico no Brasil deve ocorrer em até 3 semanas
Foto; NIAID/NIH

A queda de casos de Covid verificada em outros países indica que o pico de infecções no Brasil, ligado ao avanço da variante Ômicron, deve ocorrer em até 3 semanas, diz O Globo.

África do Sul, Reino Unido, Canadá e Austrália, por exemplo, registraram entre 4 e 6 semanas de aumento expressivo no número de infecções até atingir o pico. Em seguida, houve queda acentuada.

Na África do Sul, onde a cepa foi identificada no fim de novembro de 2021, o auge foi atingido em 17 de dezembro, com 23 mil infecções. Atualmente, o país tem menos casos do que nos primeiros dias daquele mês, 4.636.

O infectologista e pesquisador da Fiocruz Julio Croda afirmou ao jornal que o padrão deve se repetir no Brasil.

“Vamos observar essa curva aqui e o estado onde isso será visto precocemente é São Paulo, que teve os primeiros casos. No entanto, como teve Réveillon e férias, houve uma sincronização entre as regiões. É um tsunami que vem e vai muito rapidamente. Se considerarmos a semana entre Natal e Ano Novo como início da curva epidemiológica, teremos o pico no começo de fevereiro para depois começar a queda. Isso, claro, se a nossa curva epidêmica se comportar de forma semelhante.” 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....