Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

O lema proibido no Palácio do Planalto

Presidente foi aconselhado a evitar citar o slogan “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos” em suas manifestações oficiais em 2022
O lema proibido no Palácio do Planalto
Reprodução/Foco do Brasil/YouTube

Em reuniões com o núcleo duro de sua campanha à reeleição, Jair Bolsonaro (foto) foi aconselhado a não utilizar, em manifestações públicas, o slogan usado na disputa presidencial de 2018: “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”.

Segundo apurou O Antagonista, os advogados da campanha eleitoral alegam que qualquer referência ao lema pode ser configurada como propaganda eleitoral antecipada.

Como mostramos na última terça-feira (18), Bolsonaro também suspendeu a realização de motociatas para se blindar de acusações de uso da máquina pública para autopromoção.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....