Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"O crime maior de Bolsonaro chama-se estelionato eleitoral"

“O crime maior de Bolsonaro chama-se estelionato eleitoral”
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

A oposição na Câmara e no Senado avalia que Jair Bolsonaro já cometeu crimes de responsabilidade, mas repetem que impeachment é “processo político-jurídico” — há dezenas de pedidos de impeachment na gaveta de Rodrigo Maia, baseados, por exemplo, na interferência do presidente na PF e na postura dele diante da pandemia.

Para o senador Major Olimpio (PSL), ex-aliado de Bolsonaro, “o crime maior do presidente chama-se estelionato eleitoral”.

“Ele prometeu combater a corrupção, prometeu que não haveria ‘toma lá, dá cá’, prometeu defender a prisão após condenação em segunda instância, prometeu ser contra o contra foro privilegiado. Ele bateu palmas quando Augusto Heleno, na convenção do PSL, cantou: ‘Se gritar pega Centrão, não fica um meu irmão’.”

Hoje, ironicamente, o Centrão é base de sustentação do governo Bolsonaro, o que livra o presidente, por ora, de qualquer abertura de processo de impeachment na Câmara.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....