Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Novo indicado para Petrobras pode ser barrado

Lei das Estatais determina que presidente da companhia tenha, no mínimo, 4 anos de experiência em área fim ou correlata ao setor petrolífero
Novo indicado para Petrobras pode ser barrado
Foto: Divulgação

Indicado para o comando da Petrobras, Caio Paes de Andrade pode ter seu nome barrado no conselho de administração. A Lei das Estatais determina que o presidente da companhia tenha experiência no setor. Mas Andrade nunca trabalhou na área.

Hoje secretário de Desburocratização, ele também foi diretor-presidente do Serpro. Antes, trabalhou com startups de tecnologia. Nada em relação a petróleo.

O nomeado não atuou por no mínimo quatro anos em ramos conexos ao do petróleo, conforme manda a lei. Isso deve pesar na aprovação do Conselho“, avalia o advogado e mestre em direito Kaleo Dornaika.

Segundo ele, também pesa contra o auxiliar de Paulo Guedes a falta de independência para gerir a maior empresa do país. “Há o risco de uma recusa tendo em vista a escolha de um nome submisso à política interventora do governo“, diz.

Ele lembra que o objetivo da nova indicação está bastante evidente e responde a objetivos eleitorais. Como O Antagonista antecipou, Guedes quer ampliar para 100 dias o prazo de reajuste dos combustíveis, o que, na prática, manterá o preço congelado até outubro.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....