Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

No Rio, PSB usa pesquisas para tentar convencer Lula

Na semana passada, Carlos Siqueira avisou a Gleisi Hoffmann, presidente do PT, que os socialistas não desistirão da candidatura de Alessandro Molon
No Rio, PSB usa pesquisas para tentar convencer Lula
Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

No Rio de Janeiro, o PSB parece disposto a encarar uma queda de braço com Lula por mais um tempo.

O deputado Marcelo Freixo, ex-PSOL e agora socialista, é o candidato de Lula ao governo local — ontem, os dois jantaram juntos, segundo a Folha. Freixo vai disputar com Cláudio Castro (PL), o atual governador que vai buscar a reeleição com o apoio de Jair Bolsonaro.

Para apoiar Freixo, o PT quer a vaga ao Senado na coligação: o nome indicado é o do deputado estadual André Ceciliano, presidente da Assembleia Legislativa. Mas o deputado federal Alessandro Molon (PSB) não abre mão de disputar o Senado, depois de três mandatos consecutivos na Câmara. Romário (PL) é o candidato bolsonarista ao Senado.

Na semana passada, Carlos Siqueira, presidente do PSB, avisou a Gleisi Hoffmann, presidente do PT, que os socialistas não desistirão da candidatura de Molon (foto).

Os petistas estão numa saia justa, porque, pelo menos até aqui, precisam concordar que Freixo e Molon são os nomes da esquerda com maior viabilidade eleitoral no estado.

Segundo o Metrópoles, diante desse imbróglio, existe a possibilidade de Lula acabar não apoiando formalmente Freixo, o que prejudicaria, por exemplo, o tempo de TV do candidato.

Leia também: Lula sacrifica aliados nos estados para viabilizar a própria candidatura

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....