Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Na vida, a Bíblia. No Supremo, a Constituição"

A afirmação foi feita por André Mendonça, ex-AGU indicado por Bolsonaro a uma vaga no STF, durante a sabatina na CCJ do Senado
“Na vida, a Bíblia. No Supremo, a Constituição”
Reprodução/TV Senado

André Mendonça disse há pouco que, ainda que seja “genuinamente evangélico”, entende que não há espaço para manifestações religiosas no Supremo Tribunal Federal (STF).

A afirmação foi feita durante durante as considerações iniciais de sua sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado.

“Na vida, a Bíblia. No Supremo, a Constituição. Portanto, na Suprema Corte, defenderei a laicidade estatal e a liberdade religiosa de todo cidadão, inclusive dos que não professam qualquer crença”, afirmou.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....