Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Moro critica PEC dos Precatórios: “Se arrebentar o teto de gastos, reputação do Brasil vai a zero”

Para o ex-juiz, que se filiou ao Podemos, é possível se viabilizar o aumento de benefícios sociais, mas com responsabilidade fiscal
Moro critica PEC dos Precatórios: “Se arrebentar o teto de gastos, reputação do Brasil vai a zero”
Foto: O Antagonista

O ex-juiz Sergio Moro afirmou há pouco em entrevista ao Papo Antagonista que é contra a PEC dos Precatórios, no modelo que foi aprovado pela Câmara dos Deputados. Para ele, há alternativas para se viabilizar a reformulação de programas sociais, mas sem estourar o teto de gastos.

“Se você arrebentar o teto de gastos, a tua reputação, a tua credibilidade fiscal vai a zero. Quando foi aprovado o teto de gastos lá atrás, houve uma queda expressiva da taxa de juros e isso propiciou investimentos e propiciou o crescimento econômico do Brasil. Quando você rompe com essa política do teto de gastos, a consequência vai ser o aumento de juros. E o aumento e juros vai gerar menor crescimento econômico ou recessão”, disse.

“Vamos defender a coisa certa: aumentar os benefícios, Auxílio Brasil e Bolsa Família, sem, no entanto, fazer isso arrebentando o teto de gastos. E isso é sim possível fazer”, declarou o ex-juiz, citando a PEC apresentada semana passada pelo senador Oriovisto Guimarães (Podemos-PR), que sugere acabar com as emendas de relator e de bancada para custear o Auxílio Brasil.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....