Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Moraes compartilha com TSE provas de investigação sobre PCO

Sigla de extrema esquerda foi incluída no inquérito das fake news após defender dissolução do STF e chamar ministro de "skinhead de toga"
Moraes compartilha com TSE provas de investigação sobre PCO
Foto: Rosinei Coutinho / STF

Alexandre de Moraes (foto) autorizou nesta segunda-feira (4) o compartilhamento com o TSE das provas obtidas na investigação que apura ataques do PCO (Partido da Causa Operária) ao STF e a ministros da corte, informa O Globo.

A decisão do ministro do Supremo atendeu a um pedido do corregedor-geral do TSE, Mauro Campbell Marques.

No início do mês passado, Moraes incluiu o partido de extrema esquerda no inquérito das fake news por publicações nas redes sociais em que o PCO defendeu a “dissolução” do STF e chamou o ministro de “skinhead de toga”.

“Com a decisão desta segunda-feira, os elementos obtidos nas investigações no STF podem ser usados no âmbito do inquérito administrativo aberto pelo TSE para investigar ataques da sigla à Justiça Eleitoral nas redes sociais”, escreve o jornal carioca.

Ao pedir o compartilhamento, Mauro Campbell afirmou que o inquérito administrativo no TSE foi instaurado depois de o PCO publicar diversos tuítes “sem nenhuma prova ou sequer indício” de que a corte eleitoral busca impor “censura a manifestações políticas”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....