Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ministro da Educação diz que autorizou produção de Bíblias com sua imagem

No Twitter, Milton Ribeiro afirmou, no entanto, que seu aval foi para a distribuição dos exemplares em um evento específico
Ministro da Educação diz que autorizou produção de Bíblias com sua imagem
Fotos: Luis Fortes/MEC

O ministro da Educação, Milton Ribeiro (foto), admitiu há pouco que autorizou o uso de sua imagem para a produção de Bíblias para a distribuição gratuita em um evento de cunho religioso no ano passado.

Mais cedo, o Estadão revelou que exemplares com fotos de Ribeiro foram distribuídos em um evento organizado pelo MEC em Salinópolis, no Pará. A impressão ainda continha fotos dos pastores Gilmar Santos e Arilton Moura, acusados de negociar propina em troca da liberação de verba para municípios.

As Bíblias foram patrocinadas pelo prefeito de Salinópolis e teriam custado R$ 70 mil. Após o encontro, Ribeiro aprovou a construção de uma escola na cidade.

No Twitter, Ribeiro afirmou que autorizou o uso de sua imagem para uma edição que seria distribuída uma única vez.

“Em relação aos fatos noticiados no dia de hoje, trago os seguintes esclarecimentos: autorizei em 2021 o uso de minha imagem para a produção de algumas bíblias para distribuição gratuita em um evento de cunho religioso. Contudo, descobri no final de outubro de 2021 que bíblias com minha imagem foram distribuídas em outros eventos sem a minha autorização.”

O ministro disse que, ao tomar conhecimento, em outubro, determinou que a impressão não fosse mais distribuída.

Como mostramos, Milton Ribeiro deve deixar o cargo 1º de abril.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....