Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Mario Sabino na Crusoé: Cala a boca já viveu

Se o bolsonarismo apropriou-se indevidamente de pautas que merecem ser questionadas, isso não pode servir de pretexto para cancelar a liberdade de expressão
Mario Sabino na Crusoé: Cala a boca já viveu
Foto: Renzo Fedri/O Antagonista

Em sua coluna para a Crusoé desta semana, Mario Sabino volta a falar da censura que jornalistas da Folha querem impingir ao antropólogo Antonio Risério e argumenta que o caso “ultrapassa os assuntos internos do jornal”.

“O ponto é que, como disse no meu artigo para O Antagonista, ‘se o bolsonarismo apropriou-se indevidamente de pautas que merecem ser questionadas, como as sanhas do politicamente correto e da visão identitária do mundo, isso não pode servir de pretexto para que se cancele a liberdade de expressão e a livre circulação de ideias’. É o que a esquerda brasileira faz diligentemente, aproveitando a oportunidade que o sociopata instalado no Palácio do Planalto lhe deu: todo o ideário que conflita com o dela passou a ser tachado de ‘bolsonarista’. É um epíteto concreto e, portanto, bem mais eficaz do que a tática tradicional — a de classificar genericamente todo e qualquer opositor ideológico de ‘extrema-direita’.”

LEIA AQUI a íntegra da coluna; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....