Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Marcelo Ramos: "Comandante da Aeronáutica extrapolou seus limites institucionais"

Primeiro vice-presidente da Câmara também disse que "não cabe" a Carlos de Almeida Baptista Junior "impor limites as investigações da CPI"
Marcelo Ramos: “Comandante da Aeronáutica extrapolou seus limites institucionais”
Reprodução/Marcelo Ramos

Marcelo Ramos (PL-AM), primeiro vice-presidente da Câmara, afirmou que “o comandante da Aeronáutica extrapolou seus limites institucionais” ao criticar a CPI da Covid em entrevista a O Globo.

O tenente-brigadeiro do ar Carlos de Almeida Baptista Junior, comandante da Aeronáutica, disse ao jornal que a nota do Ministério da Defesa divulgada nesta semana “foi voltada pessoalmente” ao senador Omar Aziz.

No entanto, o comandante falou também em “alerta às instituições”.

Segundo Ramos, “não cabe a ele [Carlos de Almeida Baptista Junior] impor limites as investigações da CPI e nem impedir investigação sobre a conduta de militares no exercício de funções civis”.

Marcelo Ramos Aeronautica
Crédito: Reprodução / Twitter / Marcelo Ramos
Entenda o caso

Ontem, o senador Omar Aziz (PSD), que preside a CPI, afirmou que “os bons das Forças Armadas devem estar envergonhados com os envolvidos do lado podre das Forças em falcatruas do governo”.

O Ministério da Defesa e comandantes das Forças, então, responderam fortemente, afirmando que “essa narrativa, afastada dos fatos, atinge as Forças Armadas de forma vil e leviana, tratando-se de uma acusação grave, infundada e sobretudo irresponsável”.

Em seguida, Aziz disse que os militares estariam “tentando distorcer” sua fala para lhe “intimidar”. “Não aceitarei!”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....