Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Macron diz que pretende "irritar" não vacinados; oposição reage

A fala do presidente francês fez com que o Parlamento suspendesse o debate sobre o projeto que busca implementar um passaporte de vacinação
Macron diz que pretende “irritar” não vacinados; oposição reage
Reprodução/2021 Leaders' Summit on Climate/YouTube

O presidente da França, Emmanuel Macron (foto), disse que pretende dificultar a vida dos não vacinados contra a Covid.

Em entrevista ao jornal Le Parisien, Macron afirmou que quer continuar a “irritá-los” até o fim da pandemia. A palavra usada por Macron — emmerder — é um termo considerado vulgar no francês.

“Numa democracia, o pior inimigo são as mentiras e a estupidez. Os não vacinados, eu realmente quero irritá-los. E nós vamos continuar a fazer isso até o fim. É essa a estratégia.”

Em resposta à fala de Macron, a oposição no Parlamento suspendeu o debate sobre o projeto que pretende implementar um passaporte de vacinação. Caso a medida seja aprovada, o país passará a exigir que maiores de 12 anos apresentem um certificado de imunização para entrar em restaurantes, comparecer a eventos ou viajar em trens interurbanos.

“Eu sou a favor do passaporte da vacina, mas não posso apoiar um texto cujo objetivo é ‘irritar’ os franceses, disse o líder conservador Christian Jacob.

Apesar dos movimentos antivacina, a França tem uma das maiores taxas de imunização da União Europeia, com 73,5%.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....