Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Lira diz que não cabe ao STF "aprimorar" emendas secretas

Em entrevista, o presidente da Câmara afirmou que as mudanças para garantir transparência "devem vir do Congresso Nacional"
Lira diz que não cabe ao STF “aprimorar” emendas secretas
Foto: Adriano Machado/Crusoé

O presidente da Câmara, Arthur Lira (foto), voltou a dizer nesta terça-feira (16) que o Congresso vai recorrer da decisão do STF que suspendeu os repasses das emendas secretas. Em entrevista à CNN em Lisboa, o deputado afirmou que as mudanças para garantir transparência deveriam partir do próprio Congresso.

“Se precisa aprimorar a lei, esse aprimoramento deve vir do Congresso Nacional. É em cima disso que nós vamos esperar a publicação do acórdão da liminar da ministra Rosa Weber. O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, retornou hoje ao Brasil. Como presidente do Congresso Nacional, que ele possa tomar as medidas efetivas para que, publicado o acórdão, o Congresso entre com embargos de declaração.” 

Lira afirmou que o Legislativo vai propor um caminho para trazer ainda mais transparência para as emendas.

“De agora para frente, que o relator geral coloque no site da comissão mista de orçamento de onde veio o pedido daquela emenda. Não há essa crise a respeito do orçamento, porque isso é factóide. As votações na Câmara e no Senado se dão por composição política.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....