Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Juíza de São Paulo cassa passaporte diplomático de RR Soares

A juíza Denise Aparecida Avelar, da 6ª Vara Cível Federal de São Paulo, acolheu uma ação popular e cassou os passaportes diplomáticos concedidos pelo governo de Jair Bolsonaro ao missionário RR Soares, líder da Igreja Internacional da Graça de Deus, e à sua esposa.

Na decisão, a magistrada diz que “a atuação como líder religioso, no desempenho de atividades da igreja, não importa em representação de interesses do País”.

Ainda segundo ela, o chanceler Ernesto Araújo “não apresentou a necessária justificativa, vinculada ao atendimento do interesse do País, quando de sua expedição, fundamentando apenas no fato de ‘poderem desempenhar de maneira mais eficiente suas atividades em prol das comunidades brasileiras no exterior’”.

A juíza também afirma que o ministro infringiu o princípio da moralidade administrativa — O Antagonista lembra que o missionário apoiou Bolsonaro na campanha.

A concessão dos passaportes foi publicada no Diário Oficial da última terça-feira, como noticiamos (veja aqui). Em 2016, o casal já havia tido o documento especial negado pela Justiça, que entendeu, à época, que havia “desvio de finalidade” e “mero privilégio”.

Confira clicando AQUI a íntegra da decisão.

rrs 628x191

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....