Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Jair Bolsonaro: "Vamos salvar três categorias ou vai todo mundo sofrer?"

Presidente disse que ainda não bateu o martelo sobre reajuste para policiais federais, prometido no ano passado, devido à "grita" de outros servidores
Jair Bolsonaro: “Vamos salvar três categorias ou vai todo mundo sofrer?”
Reprodução/Jair Bolsonaro/YouTube

Um dia após servidores federais iniciarem paralisações em protesto por reajustes, Jair Bolsonaro (foto) afirmou nesta quarta, 19, que ainda não bateu o martelo sobre a autorização de aumentos salariais a policiais federais, policiais rodoviários federais e funcionários do Depen, o Departamento Penitenciário Nacional.

No ano passado, o presidente havia prometido reajuste a essas três categorias, para o qual o Congresso reservou R$ 1,7 bilhão no Orçamento de 2022. Ele disse, porém, que desde então há uma “grita” de servidores de outras carreiras, o que o levou a pisar no freio.

Bolsonaro repetiu que não há espaço nas contas públicas para atender a todo o funcionalismo de forma isonômica. “A gente pode aí fazer justiça com três categorias. Não vai fazer com as demais. Mas fica aquela velha pergunta: ‘Vamos salvar três categorias ou vai todo mundo sofrer no corrente ano?’.”

LEIA MAIS na Crusoé; assine a revista e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....