Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Intimado pelo TCU a pagar 2,8 milhões, Deltan reage nas redes

Ex-coordenador da Lava Jato diz que sistema contra-ataca e chama ministro Bruno Dantas de "apadrinhado de Renan Calheiros"
Intimado pelo TCU a pagar 2,8 milhões, Deltan reage nas redes
Reprodução

Deltan Dallagnol foi às redes sociais reclamar de ter sido intimado pelo TCU a pagar R$ 2,8 milhões por supostas diárias recebidas na época da Lava Jato. O caso está sendo investigado por Bruno Dantas, a pedido de Lucas Furtado.

 

“O TCU quer cobrar de mim e de outros procuradores o dinheiro investido para recuperar R$ 15 bilhões”, diz o ex-procurador, que é candidato a deputado federal pelo Podemos.

No vídeo, Deltan ressalta que Dantas é apadrinhado de Renan Calheiros e esteve no jantar em homenagem a Lula, em São Paulo, em dezembro passado.

Ele diz que vai recorrer à Justiça comum. “Não sou administrador do Ministério Público, não mandei pagar diárias, não recebi essas diárias. O sistema reage (…) esse é o preço de combater a corrupção no Brasil.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....