Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Instituto Villas Bôas chama garimpeiro condenado para palestrar sobre Amazônia

Jornal aponta que Marcelo Norkey, que se apresenta como garimpeiro, falará ao think tank do general Villas Bôas em julho, sobre atividade "sustentável" na floresta
Instituto Villas Bôas chama garimpeiro condenado para palestrar sobre Amazônia
Foto: Polícia Federal

O Instituto Villas Bôas convidou Marcelo Norkey, garimpeiro condenado duas vezes por crimes por crimes ambientais, a palestrar sobre “extrativismo mineral sustentável” na floresta Amazônica. A palestra promovida pelo instituto do ex-general deve ocorrer em julho.

Reportagem na coluna de Malu Gaspar, no jornal O Globo, mostra que Norkey já foi condenado duas vezes pelo Ministério do Meio Ambiente por crimes contra a flora e o controle ambiental. Ele deve cerca de R$ 800 mil em multas ambientais não pagas. A palestra do garimpeiro, de acordo com a reportagem, se chama “a Amazônia que os satélites não conseguem ver: o extrativismo mineral sustentável, um sonho possível.”

Ele se apresentará no instituto junto ao ex-deputado Antônio Feijão, que já esteve preso por integrar um esquema com o objetivo de facilitar a atividade de mineração ilegal no Amapá. O ex-parlamentar falará sobre “Mineração na Amazônia e seus inimigos invisíveis.” Norkey e Feijão controlam a Fundação Amazônica de Migração e Meio Ambiente (Finama), conhecida pelo lobby dos garimpeiros em Brasília.

A palestra no Instituto Villas Bôas, mediada por Alexandre Garcia, ainda conta com outros nomes: na lista de convidados estão os ex-ministros de Bolsonaro Damares Alves (Mulher Família e Direitos Humanos) e Ricardo Salles (Meio Ambiente), além da deputada Carla Zambelli (PL-SP).

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....